Algumas das espadas mais famosas na Historia

17:22:00 0 Comments




Aqui vai uma pequena lista com algumas das espadas mais famosas na Historia. 

Espada de Goujin

Foi encontrada em 1965, em Jiangling, Província de Hubei, China, por uma equipe de arqueólogos liderados por Weisi Tan, em uma tumba do Período dos Reinos Combatentes (770-467 a.C.). O curioso é que a tumba onde se encontrava a espada estava com agua, ou seja, a espada passou mais de dois mil anos debaixo d’agua, e mesmo depois de todo esse tempo mantinha o corte afiado sem apresentar ferrugem ou danos maiores. Um dos membros da equipe tentou tocar a lâmina, os dedos começaram a sangrar imediatamente após o contato.

O corpo da lamina é de cobre e o revestimento é de estanho. Uma combinação que dá a espada uma flexibilidade que a torna resistente a quebras ao mesmo tempo em que as laminas mantenha a afiação. A uma inscrição na lamina que diz, “Feita para uso pessoal do rei de Yue”, o que restringe a data de fabricação ao período entre (510 a.C e 334 a.C).

Zulfiqar

É uma espada muito conhecida da história islâmica, propriedade de Hazrat Ali, por muitos anos. Maomé presenteou Zulfiqar ao jovem Ali na Batalha de Uhud. Durante a batalha, Ali atingiu um dos mais ferozes adversários, quebrando tanto o capacete quanto seu escudo. Maomé observou e disse: "Não há nenhum herói além de Ali e nenhuma espada, exceto Zulfiqar". Outro grande feito da espada foi na batalha de Trench, Ali usou a espada para partir Amr bin Abdawud em dois, com armadura, escudo e tudo o mais. Por causa disso a espada ficou conhecida como “quebra espinha”.

Honjo Masamune

Masamune Okazaki, conhecido como o maior ferreiro de espadas do Japão. Masamune alcançou um status quase lendário. Ele fez a maioria das espadas entre 1288 e 1328 D.C.. Criou as espadas conhecidas hoje como Katanas, em Japonês, e as adagas chamadas Tanto, na tradição Soshu. Acredita-se que trabalhou e viveu na Província de Sagami. Sua obra-prima é a Hojo Masamune, utilizada por uma dinastia de shoguns e considerada a melhor katana já feita.

Foi considerada como Tesouro nacional em 1939. É chamada de Honjo, possivelmente por ter ligação com o general, Honjo Echizen Shigenaga que adquiriu a espada em uma batalha.
Honjo Shigenaga, era general do Uesugi Kenshin um senhor feudal, que foi atacado pelo Umanosuke. Shigenaga foi atacado com a Honjo Masamune que partiu seu elmo em duas partes, mas sobreviveu e matou Umanosuke e pegou a espada como prêmio. Tempos depois Shigenaga, pensava que um samurai por ser mortal precisa comer para sobreviver e foi forçado a vender a espada para Toyotomi Hidetsugu e seu sobrinho Toyotomi Hideyoshi que a guardou. Ela foi vendida por 13 ōban, que era 13 moedas grandes de ouro. A espada depois foi avaliada no Kyoto Meibutsu Cho por 1,000 Oban.

Ela passou pelas mãos de, Toyotomi Hideyoshi, Shimazu Hyogo Yoshihiro, e de novo para Hideyoshi, depois para Tokugawa Ieyasu, Tokugawa Yorinobu, e finalmente para Tokugawa Ietsuna. E permaneceu com os Kii, uma ramificação da familia Tokugawa, o último que teve posse foi Tokugawa Iemasa no final da II guerra mundial onde foi perdida e até hoje o paradeiro dela é desconhecido.

Gram

A lendária espada de Sigurd, foi forjada pelo ferreiro Völund e pertencia originalmente a Sigmund, que a recebeu de Odin no salão de Volsung após retirá-la de Barnstokk, o carvalho onde o próprio Odin a tinha colocado. Nove príncipes, tentaram em vão retirar a espada da árvore. Apenas, Sigmund foi capaz de removê-la. Chegou a ser quebrada por Odin em uma batalha onde Sigmund a portava, e depois reconstruída por Regin, passando para as mãos de Sigurd, que a utilizou para matar o dragão Fafnir.

Excalibur

De acordo com a lenda, o mago Merlin recebe Excalibur da Senhora do Lago e a entrega a Uther Pendragon para que ele estabeleça uma aliança com o Duque da Cornwall. Mas Uther toma para si a mulher do Duque e tem com ela um filho, Artur, o qual vai parar nos braços de Merlin. O Duque e Uther são mortos, e Merlin crava a espada em uma pedra, proclamando que “aquele que retirar a espada da pedra será Rei”.

Anos mais tarde, uma competição de cavaleiros havia sido estabelecida para decidir quem tentaria retirar Excalibur. Artur é um simples valete de seu irmão de criação, Kay, e quando perde a sua espada, acaba retirando Excalibur para entregar ao irmão. Logo, Merlin aparece e declara Artur como o legítimo herdeiro de Uther.

Sem sombra de dúvida, Excalibur é a mais famosa espada de todos os tempos. Ela foi criada nos reinos místicos de Arcádia, pela feiticeira conhecida na Terra como Viviane, ou a Dama do Lago. São atribuídos a ela poderes mágicos como cortar aço ou é associada a legitima soberania da Grã-Bretanha. 

0 Comentários existentes: